Cultura Curta

Publicado em 09/06/2017 | por Krishna Shinno

0

Punhos de Sangue

Amigos, confesso que eu não conhecia essa história! O Curta com Pipoca esteve no lançamento do filme Punhos de Sangue (Chuck – The Bleeder) a convite da Califórnia Filmes. A trama toda conta a incrível trajetória de Chuck Wepner, boxeador peso-pesado que serviu de inspiração para a saga “Rocky” de Silvester Stallone. Acredito que muitos lembram desse filme, eu mesma adorava  e curtia muito Rocky Balboa. Mas para entender melhor, vamos  a luta!

punhosdesangue-01A vida de Chuck Wepner (Liev Schreiber) foi baseada em seus verdadeiros Punhos de Sangue. O lutador que inspirou Rocky, a bilionária franquia do cinema que conta a trajetória do boxeador de Nova Jersey – que aguentou por 15 rounds uma luta no incrível campeonato mundial de pesos pesados contra o maior lutador de todos os tempos, Muhammad Ali (Pooch Hall) -, foi um homem cheio de problemas. Em seus dez anos como boxeador, Wepner teve o nariz quebrado oito vezes, 14 derrotas, dois nocautes e um total de 313 pontos. Mas suas lutas mais duras foram fora do ringue – ele vivia uma vida de bebedeiras, drogas, mulheres, passando por altos e baixos ao extremo. Para Wepner não existia limites e a sua sua família aguentou até onde podia. Mesmo assim ele foi convidado por Silvester Stallone (Morgan Spector) para ser interpretado no cinema após este ficar impressionado com sua vida no ringue, mal sabendo como era sua vida de verdade. O lutador passou por muitas e tenta encontrar conforto no bar, onde Linda (Naomi Watts) pacientemente escuta os seus desabafos. Será que Wepner consegue lutar contra os seu próprios conflitos? E a saga continua como Rocky?

Direção de Philippe Falardeau, o filme chegou aos cinemas em maio 2017 e conta com um elenco bem bacana, como o Liev Schereiber, que também é produtor do filme e atualmente está na série Ray Donovan. Temos também Ron Perlman como Al Braverman, o empresário-treinador (sim, é o ator de Hellboy e uma lista imensa de filmes) e Elisabeth Moss, como Phyliss, a primeira esposa de Wepner. Reza a lenda que Silvester Stallone convidou novamente  Wepner para o filme Condenação Brutal, mas o mesmo recusou. Olha para quem não conhecia a  história, é muito interessante saber como ele viveu todos esses anos sendo inspiração para Rocky Balboa e detalhe …, não, vou contar, vocês vão ter que assistir!!!

Bom, amigos, para quem é fã de boxe siga além de Rocky Balboa e a sua inesquecível trilha sonora, que inspira muito desde 1976. Que tal Touro Indomável (com Robert De Niro impecável-1980), Menina de Ouro (sim, mulheres, com direção de Clint Eastwood e ganhador de vários Prêmios-2004),  Hurricane, O Furacão (Denzel Washington-1999), Punhos de Aço (a trajetória de Roberto Duran – 2016), O Vencedor ( Christian Bale-2010), A Luta Pela Esperança (Rusell Crowe-2005), Mais Forte que o Mundo (opa, já pro Post Gostinho Brasileiro, 2016) e quem sabe Creed, Nascido para Lutar (2015) – talvez Silvester Stallone resolva fazer um remake de Rocky!  Uma ótima semana e fiquem em Paz!

Tags: , , , , , , , ,


Sobre o autor

Aprecia tudo que esteja culturalmente agregado às emoções, e o cinema faz parte do universo encantador que a transporta para sonhos até transformá-los em história. Compartilha as suas experiências cinéfilas, acompanhada de uma boa dose de reflexão.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para o Topo ↑