PET capa

Publicado em 10/11/2015 | por Assessoria de imprensa

1

Amigo não se compra: Au.Dote

Iniciativa da startup DogLikers ajuda cães abandonados a encontrar um lar. Com aproximadamente mil cães cadastrados e dispostos em perfis, os interessados em adotar um companheiro podem filtrar a busca por localização, incluindo a funcionalidade “próximos a mim”, ONG, raça, porte, idade e sexo. O aplicativo funciona de forma bem intuitiva: o usuário navega por diferentes perfis de cães de diversas ONGs, para visualizar mais detalhes sobre cada cãozinho, basta tocar na foto do perfil e ter acesso à idade, tamanho, histórico, vacinas e muito mais. Se ficar interessado na adoção, a pessoa deve clicar no ícone de coração. Fazendo isso, um email mostrando interesse em adoção é enviado para a ONG responsável e o cãozinho vai para uma lista de favoritos do usuário, podendo ser sempre consultado. Apenas as organizações e instituições aprovadas podem oferecer os animais pela plataforma, isso garante a origem e os bons cuidados com os cães apresentados pelo Au.Dote.

Au.dote 2

O aplicativo foi desenvolvido pela DogLikers, startup de produtos e serviços exclusivos para cachorros. “Nossas soluções são voltadas para quem ama cachorro e faz dessa paixão um estilo de vida. Então, promover o encontro entre pessoas dispostas a dar amor a cães carentes faz parte de nossa missão. Criamos uma ferramenta que vai potencializar o belo trabalho feito por ONGs sérias e idôneas”, comenta Gustavo Monteiro, sócio fundador da empresa.

A ajuda é mais do que bem-vinda. Segundo a Organização Mundial da Saúde, estima-se que em 2014, mais de 20 milhões de cachorros viviam em situação de abandono no Brasil. Nas grandes cidades, para cada cinco habitantes há um cachorro. Destes, 10% estão abandonados. Em São Paulo, por exemplo, o número de cães sem lar é de 2,5 milhões, de acordo com um estudo realizado pela Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da USP, em parceria com a prefeitura.

O aplicativo foi lançado há dois meses e vem crescendo exponencialmente em número de ONGs parceiras e em número de perfis de cachorros para adoção – já são mais de 17 ONGs de todo o país, cinco em fase de aprovação e quase mil cães cadastrados. “Estamos trabalhando dia e noite para formar parcerias com ONGs idôneas e de confiança. Já recebemos feedbacks positivos de organizações e dois processos de adoção já foram concluídos com sucesso. Este é o maior sinal de que o Au.Dote está no caminho certo”, finaliza Monteiro. O aplicativo é gratuito e disponível para iOS e Android, Com o Au.Dote. Só vai ficar sem companhia, quem realmente quiser.

Tags: , , , , , ,


Sobre o autor


One Response to Amigo não se compra: Au.Dote

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para o Topo ↑